Anfisa, a chimpanzé de doze anos que foi apanhada com o dedo no nariz pela fotógrafa Ilya Naymushin, abre a fotogaleria das melhores imagens de animais, da Reuters, em 2017. Os editores da agência de notícias seleccionaram as principais fotografias do ano em que os animais são protagonistas (mesmo que apareçam ao lado dos tutores). Como o homem que carrega um gato debaixo das cerejeiras, em Xangai, o pescador que alimenta as gaivotas no rio Yamuna, na Índia, ou os oito alunos que fazem ioga na companhia de cinco cabras, numa quinta, nos Estados Unidos da América.

Mas o que mais nos chama a atenção é o momento raro em que um alce branco selvagem é avistado na Suécia, a fotografia dos cisnes que nadam num lago dourado pelas folhas do Outono ou o resgate de uma fêmea de orangotango albina, na Indonésia. Já o gato que espreita à janela pode ser visto mais frequentemente em várias ruas citadinas. Embora nem todos se escondam atrás das cortinas da embaixada do Equador, em Londres, ou tenham como tutor Julian Assange, um dos fundadores do WikiLeaks, lá asilado. Esta última fotografia é só um dos vários exemplos do que acontece quando é o animal que capta a atenção do fotógrafo.

 

Leia também

E se fossem animais a dizê-lo?

Começaram por ser só cães, mas depois todos os animais tinham algo a dizer. O bisonte que …