Um curso de oito horas para “compreenderes melhor o teu cão” e “aprenderes a ensiná-lo”: é isto que propõe o Instituto do Animal que, em jeito de brincadeira, lhe chamou “Carta de Cãodução”. O termo explica bem o que a escola de educação canina pretende: ensinar os tutores a fazer as escolhas certas para que os animais de companhia sejam “bem comportados, saudáveis e felizes”.

“Do mesmo modo que a carta de condução habilita as pessoas para conduzirem eficazmente e em segurança, também os donos de cães precisam de saber que cão escolher e como este ‘funciona’ para poder educá-lo e socializá-lo para ambos viverem bem e seguros”, explicam, em comunicado.

O curso, maioritariamente expositivo, vai decorrer em Lisboa, nas tardes do fim-de-semana de 3 e 4 de Fevereiro, e vai ser leccionado por uma treinadora diplomada em cinotecnia, uma médica veterinária e uma nutricionista.

O programa proposto inclui sessões sobre a forma como os cães pensam e aprendem, o que esperar e como agir em cada fase do ciclo de vida do cão, como escolher o cão certo, a alimentação e exercício físico indicados, como ensinar boas maneiras em casa ou como prevenir problemas de comportamento.

Segundo o instituto, o “curso pioneiro em Portugal” reúne o “conhecimento científico e empírico disponível sobre comportamento e bem-estar canino, necessário para os donos responsáveis educarem eficazmente os seus cães”. As inscrições são limitadas e têm um custo de 78 euros para os dois dias, ou 44 para um.

Leia também

Um cão desapareceu depois de um acidente de carro fatal. Três semanas depois, aqui está ele

O vídeo de reencontro (em cima) é, de si, emocionante. Mas torna-se ainda mais comovente q…