O vídeo, filmado por câmaras de segurança, dura um minuto: tempo suficiente para um cão entrar na livraria, abocanhar um livro e voltar a fugir para a rua, sem ninguém reparar. Mais tarde, as mesmas filmagens mostram um homem a entrar na loja, na Universidade de Feevale, em Novo Hamburgo, Brasil e a, alegadamente, devolver o livro “roubado” pelo cão. O título? Dias de abandono, de Elena Ferrante.

As imagens foram partilhadas a 17 de Março no Facebook da livraria e já foram vistas quase um milhão de vezes. O cão é um dos animais vadios que costuma andar pelo campus. Segundo a livraria, terá fugido de um lar de acolhimento, para onde, depois do apoio suscitado pelo sucesso do vídeo, já voltou. Depois de ser vacinado, o objectivo é ser adoptado. O processo está a ser encaminhado por voluntárias de uma associação chamada Amparo Animal.

O livro, com as marcas dos dentes do animal, está exposto na loja como recordação.

 

 

Leia também

Nos últimos sete anos, a Câmara de Gaia não abateu um cão ou um gato

Uma política de sensibilização massiva para a adopção de animais e uma estratégia de ofert…