Mostrar o que está “por detrás de um copo de leite” motivou Filipa Castro Gomes, recém-licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho, a adoptar este tema para o seu projecto final de Audiovisual e Multimédia.

“Quanto tivemos de escolher o tema estavam a sair imensas notícias sobre a quebra do consumo de leite animal e pensei que faria todo o sentido aliar uma motivação pessoal a um tema da actualidade”, explica a estudante de 21 anos.

O vídeo é narrado pela vaca 2685 e aborda vários factos relacionados com o consumo de leite, a começar pelos dados que indicam que, em Portugal, entre 2016 e 2017, foram vendidos menos um milhão de litros de leite de vaca, ao mesmo tempo que a venda de alternativas de origem vegetal tem vindo a aumentar.

Para tornar o vídeo o mais rigoroso possível, a estudante de Vieira do Minho recorreu a diversas plataformas como a PETA, documentários como o Cowspiracy e What The Health, notícias, artigos científicos e especialistas. Filipa começou por se tornar vegetariana em 2016, mas há cerca de um ano decidiu que não era suficiente e decidiu tornar-se vegan.

A jovem acredita que este vídeo explicador pode ser útil para “informar e consciencializar as pessoas para aquilo que consomem” e, por isso, tentou tocar em vários temas, desde as implicações para a saúde – como o mito à volta do cálcio –, as questões éticas e o impacto da indústria no ambiente (o metano proveniente dos dejectos de 2500 vacas contribui para o efeito estufa da mesma forma que o dos dejectos de uma cidade com 411 mil pessoas).

Leia também

Nos últimos sete anos, a Câmara de Gaia não abateu um cão ou um gato

Uma política de sensibilização massiva para a adopção de animais e uma estratégia de ofert…